iG - Internet Group

iBest

brTurbo

meninos

16/04 - 13:21hs

Até quando você é adolescente?
Essa fase vai muito mais longe do que você pensava

Carol Patrocinio

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) é a fase que vai dos 10 aos 19 anos. O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) diz que essa fase vai dos 12 aos 18 anos de idade. Mas e na vida real, o que significa ser adolescente?

Adolescência é a fase em que as mudanças no seu corpo se tornam totalmente visíveis e que, emocionalmente, você se torna uma pessoa bastante diferente. Sua vida social ganha forma e o comportamento é outro, acabou o momento de ser criança, agora você vê o mundo de outra forma. A Organização Mundial da Saúde diz ainda que é o momento em que as características sexuais secundárias aparecem.

O psicanalista, doutor em psicologia da Educação e membro do Núcleo de Estudos e Temas em Psicologia – Netpsi, Fernando Falabella Tavares de Lima, diz que a adolescência não deve ser medida pela idade cronológica e sim “com as dificuldades de entrada no mercado de trabalho, com as ansiedades e medos envolvidos na saída da casa dos pais”. Ele ainda conta que o período que duram esses questionamentos tem se estendido. “Tenho pacientes de 25 anos que ainda estão num término de adolescência, sem dúvida”, explica.

Mas o que mudou no mundo para que nossa vida se transformasse tanto assim? “Muitas coisas: a dificuldade de decidir sobre o futuro profissional e arcar com o peso das decisões, o excesso de pressão dos pais e da sociedade. Enfim, um clima que gera medos e ansiedades crescentes e faz com que o jovem não tenha condições de se sentir seguro o suficiente”.

Então o mundo cobra mais da gente, tudo está mais difícil e ainda assim precisamos respirar fundo e encarar a vida real, né? E como deixar o medo de lado e seguir em frente? Fernando Tavares comenta que não há uma fórmula mágica, mas que a psicoterapia e a psicanálise podem ajudar - “a pessoa se conhece melhor, sabe mais de seus sentimentos e consegue, então, saídas mais saudáveis que não sejam sempre da ordem da repetição do mesmo e da fuga das dificuldades”.

O que parece é que quanto mais o jovem se conhece e se entende, mais ele quer ter sua própria vida e seguir seus caminhos, mas algo sempre o prende e por isso cada vez é maior a idade com que o jovem sai da casa dos pais. “Se há liberdade para os jovens e, ao mesmo tempo, respeito da parte deles com os hábitos e direitos dos pais, pode não haver nenhum tipo de problema. Mas, quando não há esse respeito, então as coisas se complicam, com muitas brigas e discussões”.

Uma dica do psicanalista é para que os jovens comecem a arcar com alguma despesa da casa, como a conta de luz ou de água, assim sua participação familiar é maior e ele se sentirá mais útil na relação com os pais.

A adolescência é, apesar de todas as angústias e dúvidas, uma das melhores fases da vida e, por isso, algumas pessoas se prendem a ela por mais tempo do que deveriam, fugindo de um crescimento real. Como não cair nessa armadilha? “Vivê-la com intensidade e responsabilidade. O jovem deve ter sabedoria e experiência, ou seja, algo que se conquista com mais idade”, finaliza o profissional.

Você acha que já está pronto para enfrentar o mundo sozinho? Acha que a adolescência dura até que idade? Comente!

Leia mais sobre: comportamento

Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG



Contador de notícias