Jovens suecos posam com 'tudo o que têm' em ensaio sobre consumismo

Fotógrafa propõe discussão sobre o consumo exagerado entre a geração nascida na década de 1980. Veja as fotos e comente

BBC | - Atualizada às

BBC

A sueca Sanna Kvist, de 26 anos, fotografou estudantes de seu país com tudo o que possuíam para uma coletânea intitulada "All I Own" ("Tudo o que possuo", em tradução literal). Foto: http://sannahkvist.se/Os modelos foram convidados pela fotógrafa a compor e a construir uma escultura com todos os seus pertences, de modo a fazer cabê-los num único quadro. . Foto: http://sannahkvist.se/O objetivo do trabalho é criticar o consumismo exagerado e nos fazer questionar se realmente precisamos de tudo o que compramos.. Foto: http://sannahkvist.se/A série de fotos foi inspirada nas próprias experiências pessoais da fotógrafa - ela se mudou para Estocolmo com um caminhão abarrotado de coisas. Quando decidiu viver em Gotemburgo, levou para lá uma única mala. Foto: http://sannahkvist.se/Em sua bagagem rumo a Gotemburgo, havia apenas seu computador, sua câmera fotográfica e poucas roupas. . Foto: http://sannahkvist.se/Além das críticas aos supérfluos, Kvist também quis denunciar a deterioração na qualidade de vida dos jovens suecos, considerada uma das melhores do mundo. . Foto: http://sannahkvist.se/Segundo a fotógrafa, os jovens de sua geração, todos nascidos na década de 80, vivem pior do que seus pais, ainda que sejam, em sua opinião, injustamente criticados pelo individualismo e consumismo exagerado. . Foto: http://sannahkvist.se/Kvist alega que muitas pessoas que ela conhece mudam de casa frequentemente pelos altos custos e não conseguem comprar a casa própria. . Foto: http://sannahkvist.se/O trabalho também questiona se é verdade que menos posses conferem maior liberdade aos seres humanos.. Foto: http://sannahkvist.se/

A sueca Sanna Kvist, de 26 anos, fotografou estudantes de seu país com tudo o que possuíam para um ensaio intitulado "All I Own" ("Tudo o que possuo", em tradução literal).

O objetivo da fotógrafa é criticar o consumismo exagerado e nos fazer questionar se realmente precisamos de tudo o que compramos.

Curta a página do iG Jovem no Facebook e siga o iG Jovem no Twitter

Além das críticas aos supérfluos, Kvist também quis denunciar a deterioração na qualidade de vida dos jovens suecos, considerada até então uma das melhores do mundo.

Segundo ela, os jovens de sua geração, nascidos na década de 80, vivem pior do que seus pais, ainda que sejam, em sua opinião, injustamente criticados pelo individualismo e consumismo exagerados.

CONTINUE LENDO
Justin Bieber e Selena Gomez são as celebridades mais procuradas no Google
Irlanda recebe etapa do Campeonato Mundial de Salto de Penhascos

Leia tudo sobre: comportamentoconsumismo1980ensaiofotos

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG