Fãs veem salvação nos filmes mas pedem "Percy Jackson" mais fiel aos livros

Por iG São Paulo , Caio Menezes | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Leitoras da saga condenam erros na adaptação cinematográfica de "O Ladrão de Raios" e esperam que "Mar de Monstros" seja mais coerente com a história de Rick Riordan

Divulgação
'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia no Brasil esta sexta-feira (16)

Depois que as sagas “Harry Potter” e “O Senhor dos Anéis” se tornaram sucessos mundiais, os estúdios de Hollywood passaram a investir ainda mais em adaptações cinematográficas de best-sellers infanto-juvenis. Deu certo com “Crepúsculo”, que virou febre pré-adolescente, e “Jogos Vorazes”, que agradou a crítica. Mas com “Percy Jackson” a história foi diferente.

LEIA MAIS - Divertido e dinâmico, “Mar de Monstros” mostra salto da franquia
Logan Lerman fala ao iG sobre Percy Jackson: “sou devotado à minha franquia”

Reprodução/Facebook
Luiza Costa, 16, leu os cinco livros da saga 'Percy Jackson'

“Percy Jackson e o Mar de Monstros”, o segundo filme da saga, chega aos cinemas brasileiros esta sexta-feira (16) com a missão de superar o fracasso de seu antecessor “Percy Jackson e o Ladrão de Raios”. O primeiro longa, lançado em 2010, não apenas encalhou nas bilheterias, como ainda foi extremamente criticado por quem já era fã dos livros de Rick Riordan.

Curta o iG Jovem no Facebook

A principal reclamação dos fãs da saga sobre o longa é de que as histórias contadas são diferentes. “Se eu não tivesse lido o livro, teria gostado”, diz a carioca Luiza Costa, de 16 anos, que leu os cinco livros da série.

Segundo a estudante, o diretor Chis Columbus mudou completamente a história e o resultado foi negativo. “Creio que adaptações possam mudar fatos da história original, mas alterar o curso da história e excluir personagens importantes é quase um crime pros fãs”, condena.

Para Mariana Brandão, de 14 anos, a adaptação cinematográfica de “O Ladrão de Raios” foi quase traumática. “Mexeu muito comigo, eu fiquei decepcionada”, lembra a carioca, que releu os livros depois de ver o longa.

“Eles mudaram a história. Uma das coisas que me fez amar a saga foi ver personagens da minha idade. Eu ficava impressionada e os livros me davam coragem e vontade de fazer as coisas”, lembra. Ela se refere ao fato de Percy ter 12 anos no livro, enquanto no filme ele já está no Ensino Médio.

Luiza está otimista em relação ao novo longa. “Espero que o filme seja fiel ao livro e que consiga captar a essência de algumas cenas, como o quase-casamento do Grover e o Percy sendo transformado em um porquinho-da-índia por Circe”, conta.

Larissa Kurjes, 18, tem esperanças mais simples. “Eu espero que o filme seja mais fiel ao livro e tenha efeitos melhores”, diz. Ela considera a experiência de Thor Freudenthal, diretor escolhido para tocar o projeto, um ponto positivo. “Ele tem vários filmes que agradaram o público jovem para se basear”, lembra Larissa. O alemão também dirigiu “Um Hotel Bom Pra Cachorro” e “Diário de um Banana”.

'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação'Percy Jackson e o Mar de Monstros' estreia em todo Brasil esta sexta-feira (16). Foto: Divulgação

Apesar de amar “Percy Jackson”, no entanto, as fãs admitem que a saga nunca alcançará seu grande objetivo (ou pelos menos o dos produtores de Hollywood): ser o novo “Harry Potter”. “Os livros de Harry Potter são bem mais completos, é um mundo quase que completamente novo”, reconhece Larissa.

Para elas, a saga é muito mais do que apenas uma história. “Percy é como um amigo, quase real. Com o desenvolver dos livros, você o vê crescendo, sente o que ele sente”, conta Mariana. “[A história] mudou tudo que eu pensava sobre mim, me fez crescer e confiar em mim. Sou muito grata a esses livros”, confessa. Mesmo se “Percy Jackson e o Mar de Monstros” não a agradar, ela garante que nunca deixará de ser fã da série. “Os filmes não vão mudar os livros”, finaliza.

LEIA TAMBÉM - "Percy Jackson e o Mar de Monstros" ganha terceiro trailer
"Jogos Vorazes" terá concorrente à altura com a chegada da saga "Divergente"

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas